Segunda-feira, 24 de Novembro de 2014

Os acontecimentos dos últimos dias foram de molde a suscitar no meu espírito a mais séria inquietação quanto ao funcionamento da justiça em Portugal. Eu tinha para mim que uma justiça de classe, no regime em que vivemos, deveria perseguir incansavelmente aqueles que mais afincadamente combatem o poder da classe dominante, a saber: PCP, Verdes e, vamos lá, o Bloco, que, apesar de reformista, debita um discurso cuja matriz radica nas mais genuínas tradições dos movimentos revolucionários. Mas não. Movidos não sei por que perversas motivações, eis que os senhores juízes se põem a perseguir banqueiros, altos responsáveis do Estado, e agora até um ex-primeiro ministro, invariavelmente ligados, clara ou veladamente, aos partidos do “arco da governação”, sob pretexto de corrupção, de fraude fiscal, de branqueamento de capitais, de falsificação de documentos, etc. Não faz sentido nem sequer me parece justo. Dir-se-á que a justiça age em função do que se lhe oferece, maneira de dizer que não lhe cabe inventar ilegalidades e crimes, e que PCP, Verdes e BE não se põem a jeito, já que os seus eleitos nas autarquias e na Assembleia da República, os seus responsáveis em organismos públicos e os seus dirigentes, bizarramente, não corrompem nem se deixam corromper. E depois? – apetece perguntar – para que serve a imaginação? É que, a continuar nesta senda, a justiça ainda acaba a persuadir o eleitorado de que PSD, PS e CDS são pouco recomendáveis, ou mesmo relapsos, o que pode ocasionar uma drástica descida da votação nestes partidos. Se isso viesse a acontecer, quem sabe se o grande beneficiário não seria, por exemplo, o PCP – resultado de todo indesejável e anunciador de grandes desgraças para os detentores dos grandes meios de produção e das grandes fortunas? Vade retro, Satanás!

 

 



publicado por tambemdeesquerda às 17:37
Espaço destinado a reflexões (geralmente) inspiradas na actualidade e na Literatura.
mais sobre mim
Novembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
20
21
22

23
25
26
27
28
29

30


pesquisar neste blog
 
contador
Website counter
Mapa de visitantes
Visitantes por país
free counters
Visitantes em tempo real
Que horas são?
blogs SAPO